Brichardi (Neolamprologus brichardi)

 

Neolamprologus brichardi (Poll, 1974)

Foto obtida em ww.aquasnack.co.uk

Nome Popular: Brichardi — Inglês: Fairy Cichlid, Lyretail Cichlid

Ordem: Perciformes — Família: Cichlidae (Ciclídeos)

Distribuição: África, endêmico do lago Tanganyika

Tamanho Adulto: 9 cm

Expectativa de Vida: 5 anos +

pH: 8.0 a 9.0 — Dureza: –

Temperatura: 24°C a 28°C

Aquário Mínimo: 80 cm comprimento X 40 cm largura — o aquário deverá possuir substrato arenoso. Deve ser formado um paredão de rochas dispostas formando cavernas que ocupem grande parte do aquário, porém deixando área livre para natação.

Comportamento & Compatibilidade: Peixe de agressividade mediana principalmente quando defende seu território ou em época de reprodução. Em geral convivem bem com outros peixes, com exceção a outros ciclídeos de mesmo hábito o qual deverão compartilhar do mesmo aquário somente se houver uma boa área para cada peixe demarcar seu território. Outros rock dwellers como Julidochromis ou Altolamprologus só são possibilidades se o tanque for grande o suficiente e possuir bastante objetos que quebrem sua linha de visão.

Alimentação: Naturalmente se alimentam de plâncton. Em aquário aceitará todo o tipo de alimentos, desde spirulina, camarões, artêmia, flocos e granulado. Não exceder em alimentos com alto índice de proteína.

Foto de Anthony Terceira (c)

Reprodução: Ovíparo. Uma vez formado o casal, a fêmea inicia a limpeza de uma caverna para depositar os ovos. Após 48 a 72 horas da fertilização dos ovos, nascerão os alevinos. Nesta fase os pais serão muito territoriais. Aos 3 dias de idade, os alevinos estarão nadando livremente próximo ao local da desova sob a supervisão dos pais. A medida que os alevinos crescem ajudarão os progenitores a guardar o território.

Dimorfismo Sexual: Machos são levemente maiores e apresentam nadadeiras peitoral e dorsal mais longas e pontiagudas.

Biótopo: Áreas da linha costeira com substratos rochosos. Na natureza pode ser encontrado em cardumes numerosos, exibindo a mesma natureza altruísta em relação aos pares reprodutores e peixes jovens que é vista em aquários, mas em uma escala verdadeiramente maciça.

Etimologia: Neolamprologus do Grego, neos = novo + grego, lampros = tocha + grego, lagos = lebre

Sinônimos: Lamprologus savoryi elongatus, Lamprologus elongatus, Lamprologus brichardi

Informações adicionais: Conhecidos como Rock Dwellers, ou morador de rochas, seu comportamento é similar aos Mbunas do lago Malawi.

Esta espécie é muito conhecido pelas suas elegantes nadadeiras em forma de lira, de uma cor castanha clara, tem manchas azuis junto dos olhos. Considerado um peixe resistente, ideal para aquaristas que queiram ingressar com ciclídeos africanos.

Tem uma distribuição descontinua ao longo de todo o lago. Certas populações podem ser espécies distintas.

Referências:

  • Romero, P., 2002. An etymological dictionary of taxonomy. Madrid, unpublished.
  • Maréchal, C. and M. Poll, 1991. Neolamprologus. p. 274-294. In J. Daget, J.-P. Gosse, G.G. Teugels and D.F.E. Thys van den Audenaerde (eds.) Check-list of the freshwater fishes of Africa (CLOFFA). ISNB, Brussels; MRAC, Tervuren; and ORSTOM, Paris. Vol. 4.
  • Konings, A., 1988. Tanganyika cichlids. Verduijn Cichlids & Lake Fish Movies, Zevenhuizen, Holland.

Ficha por (Entered by): Edson Rechi — Novembro/2020
Colaboradores (collaboration): —

Sobre Edson Rechi 903 Artigos
Aquarista em duas fases distintas, a primeira quando criança e tentava manter peixes ornamentais sem muito sucesso. Após um longo período sem aquários, voltou no aquarismo em 2004, desde então já manteve diversos tipos de aquários como plantado, peixes jumbo, ciclídeos africanos, água salobra, amazônico comunitário e marinho. Atualmente curte e mantém peixes primitivos e ciclídeos neotropicais, suas grandes paixões.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*