Killi Cauda de Lira (Aphyosemion australe)

 

Aphyosemion-australe2

Classificação

Classe: Actinopterygii • Ordem: Cyprinodontiformes • Família: Nothobranchiidae

Nome binomial: Aphyosemion australe (Rachow, 1921)

Sinônimos: Aphyosemion australe hjerresensii, Aphyosemion polychromum, Panchax polychromus, Aphysemion australe australe, Aphyosemion calliurus australis, Haplochilus calliurus australis

Grupo Aquário: Killifish

Nomes comuns

Killi Cauda de Lira

Inglês: Lyre-tailed Panchax, Lyretail panchax, Orange Australe, Gold Australe, Chocolate Australe, Chocolate lyretail, Cape Lopez lyretail

Distribuição & habitat

África. Ocorre no Cabo Lopez, próximo da foz do rio Ogooué.

Países: Angola, Gabão, Camarões e Congo.

Habitat: encontrado em órgãos de águas permanentes como pântanos e pequenos riachos lênticos.

Aphyosemion-australe-map
Mapa por Discover Life

Ambiente & parâmetros da água

Bentopelágico; água doce • pH: 6.0 – 7.0 • Dureza: 5 – 12 • Clima: tropical; 21°C – 28°C

Tamanho adulto

6 cm • Estimativa de vida: 3 anos

Manutenção em aquário

Aquário com dimensões mínimas de 40 cm X 25 cm X 30 cm (30 litros) requerido. O tamanho mínimo comportará um casal. Presença de troncos, raízes, musgo desejável.

Extremamente pacífico, deverá ser mantido preferencialmente em aquário mono-espécie com um casal ou trio com um macho e duas fêmeas. Pode ser mantido em aquário comunitário, desde que este possua refúgios e contenha espécies de peixes de mesmo porte e igualmente pacíficas. Machos são territorialistas entre si.

Alimentação

Onívoro, em seu ambiente natural alimenta-se de vermes, crustáceos e insetos. Em cativeiro aceitará alimentos secos e vivos sem dificuldades. Fornecer alimentos vivos periodicamente.

Reprodução e dimorfismo sexual

Ovíparo. Ovos são depositados no substrato ou aglomerados de plantas e recebem o cuidado parental, embora alguns possam ser comidos. Ovos eclodem em até 15 a 20 dias dependendo da temperatura.

É considerado um Killifish não anual e de fácil reprodução. Criadores utilizam plantas resistentes junto à superfície, equipamento chamados de mop (bruxinhas), turfa ou musgos durante reprodução.

Dimorfismo sexual

Machos são maiores e apresentam cores mais vibrantes do que as fêmeas, além de apresentar nadadeira anal maior e pontiaguda, fêmeas apresentam nadadeira anal arredondada.

Galeria de imagens

Aphyosemion-australe3

Aphyosemion-australe-double

Aphyosemion-australe

Descrição

Um dos Killis mais belos e coloridos, indicado para aquaristas iniciantes devido à facilidade de sua criação e reprodução. É a espécie de Killi mais difundido entre aquaristas de todo o mundo. Existem variações seletivas como chocolate e ouro.

Referências

  1. Huber, J.H., 1996. Killi-Data 1996. Updated checklist of taxonomic names, collecting localities and bibliographic references of oviparous Cyprinodont fishes (Atherinomorpha, Pisces). Société Française d’Ichtyologie, Muséum National d’Histoire Naturelle, Paris, France, 399 p.
  2. Riehl, R. and H.A. Baensch, 1991. Aquarien Atlas. Band. 1. Melle: Mergus, Verlag für Natur-und Heimtierkunde, Germany. 992 p.

Ficha por (Entered by): Edson Rechi — Junho/2014
Colaboradores (collaboration): –

Sobre Edson Rechi 769 Artigos
Aquarista em duas fases distintas, a primeira quando criança e tentava manter peixes ornamentais sem muito sucesso. Após um longo período sem aquários, voltou no aquarismo em 2004, desde então já manteve diversos tipos de aquários como plantado, peixes jumbo, ciclídeos africanos, água salobra, amazônico comunitário e marinho. Atualmente curte e mantém peixes primitivos e ciclídeos neotropicais, suas grandes paixões.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*