Brichardi Listrado (Neolamprologus savoryi)

 

Neolamprologus savoryi (Poll, 1949)

Foto de Rick Borstein de Greater Chicago Cichlid Association – www.gcca.net (c)

Nome Popular: Brichardi Listrado — Inglês: Striped Brichardi

Ordem: Perciformes — Família: Cichlidae (Ciclídeos)

Distribuição: África, endêmico do lago Tanganyika

Tamanho Adulto: 8 cm

Expectativa de Vida: 5 anos +

pH: 8.0 a 9.0 — Dureza: –

Temperatura: 24°C a 28°C

Aquário Mínimo: 80 cm comprimento X 40 cm largura — o aquário deverá possuir substrato arenoso. Deve ser formado um paredão de rochas dispostas formando cavernas que ocupem grande parte do aquário, porém deixando área livre para natação.

Comportamento & Compatibilidade: Peixe de agressividade mediana principalmente quando defende seu território ou em época de reprodução. Em geral convivem bem com outros peixes, com exceção a outros ciclídeos de mesmo hábito o qual deverão compartilhar do mesmo aquário somente se houver uma boa área para cada peixe demarcar seu território. Outros rock dwellers como Julidochromis ou Altolamprologus só são possibilidades se o tanque for grande o suficiente e possuir bastante objetos que quebrem sua linha de visão.

Alimentação: Naturalmente se alimentam de plâncton. Em aquário aceitará todo o tipo de alimentos, desde spirulina, camarões, artêmia, flocos e granulado.

Reprodução: Ovíparo. Uma vez formado o casal, a fêmea inicia a limpeza de uma caverna para depositar os ovos. Após 48 a 72 horas da fertilização dos ovos, nascerão os alevinos. Nesta fase os pais serão muito territoriais. Aos 3 dias de idade, os alevinos estarão nadando livremente próximo ao local da desova sob a supervisão dos pais. A medida que os alevinos crescem ajudarão os progenitores a guardar o território.

Dimorfismo Sexual: Não é de fácil identificação. Em adultos, os machos tendem a ser maiores e mais largos que as fêmeas.

Biótopo: Áreas da linha costeira com substratos rochosos a uma profundidade de 10 a 40 metros. Outros membros do complexo são encontrados em águas mais rasas. Esta espécie raramente se afasta da cobertura rochosa. De acordo com o autor Ad Konings, este peixe nunca é encontrado em grandes grupos, mas apenas em pares com um exemplar individual ocasionalmente se mostrando.

Etimologia: Neolamprologus do Grego, neos = novo + grego, lampros = tocha + grego, lagos = lebre.

Informações adicionais: Conhecidos como Rock Dwellers, ou morador de rochas, seu comportamento é similar aos Mbunas do lago Malawi.

Está incluso no “complexo de brichardi” que inclui outras espécies como  N. brichardi, crassus, falcicula, gracilis, helianthus, olivaceous, pulcher e splendens. Pode ser distinguido de outros do complexo por seu padrão distinto de barras verticais.

Referências:

  • Maréchal, C. and M. Poll, 1991. Neolamprologus. p. 274-294. In J. Daget, J.-P. Gosse, G.G. Teugels and D.F.E. Thys van den Audenaerde (eds.) Check-list of the freshwater fishes of Africa (CLOFFA). ISNB, Brussels; MRAC, Tervuren; and ORSTOM, Paris. Vol. 4.
  • Konings, A., 1988. Tanganyika cichlids. Verduijn Cichlids & Lake Fish Movies, Zevenhuizen, Holland.
  • Reddon, A.R., C.M. O’Connor, I.Y. Ligocki, J.K. Hellmann, S.E. Marsh-Rollo, I.M. Hamilton and S. Balshine, 2016. No evidence for larger brains in cooperatively breeding cichlid fishes. Can. J. Zool.
  • Romero, P., 2002. An etymological dictionary of taxonomy. Madrid, unpublished.

Ficha por (Entered by): Edson Rechi — Novembro/2020
Colaboradores (collaboration): —

Sobre Edson Rechi 903 Artigos
Aquarista em duas fases distintas, a primeira quando criança e tentava manter peixes ornamentais sem muito sucesso. Após um longo período sem aquários, voltou no aquarismo em 2004, desde então já manteve diversos tipos de aquários como plantado, peixes jumbo, ciclídeos africanos, água salobra, amazônico comunitário e marinho. Atualmente curte e mantém peixes primitivos e ciclídeos neotropicais, suas grandes paixões.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*