Ciclídeo Anão Amarelo (Amatitlania nanolutea)

 

Amatitlania nanolutea (Allgayer, 1994)

Foto de Klaus Steinhaus
(c)

Nome Popular: Ciclídeo Anão Amarelo — Inglês: –

Ordem: Perciformes — Família: Cichlidae (Ciclídeos)

Distribuição: América Central; bacia do rio Guarumo, Panamá.

Tamanho Adulto: 10 cm (comum 6 cm)

Expectativa de Vida: desconhecido, supõe-se 5 anos +

pH: 7.0 a 7.4 — Dureza: –

Temperatura: 24°C a 28°C

Aquário Mínimo: 80 cm comprimento X 30 cm largura — utilize preferencialmente plantas e raízes formando refúgios.

Comportamento & Compatibilidade: São ciclídeos pacíficos e ideais para aquário comunitário com peixes de porte similar. Pode se tornar agressivo durante a época de reprodução ou com peixes de cores e formato semelhante.

Alimentação: Onívoro. Sua alimentação natural é desconhecida, porém em cativeiro aceitará prontamente alimentos secos e vivos.

Reprodução: Ovíparo. Deposita os ovos no substrato e ocorre cuidado parental até a eclosão dos alevinos.

Dimorfismo Sexual: Aparentemente são monomórficos.

Biótopo: –

Etimologia: Amatitlânia, nomeado em referência ao local tipo da espécie; ‘Amatitlán’ que significa ‘um lugar abundante de amate’ em Nahuatl, ‘amate’ é um tipo de papel rústico feito a partir da casca de Ficus petiolaris ou Ficus indica.

Sinônimos: Cryptoheros nanoluteus, Cichlasoma nanoluteum, Archocentrus nanoluteus

Informações adicionais: Ciclídeo raro no aquarismo e bastante delicado, sendo indicado sua criação por aquaristas experientes.

Foto de Klaus Steinhaus
(c)

Referências:

  • Říčan, O., L. Piálek, K. Dragová and J. Novák, 2016. Diversity and evolution of the Middle American cichlid fishes (Teleostei: Cichlidae) with revised classification. Verteb. Zool. – Department of Zoology, Faculty of Science, University of South Bohemia
  • Kullander, S.O., 2003. Cichlidae (Cichlids). p. 605-654. In R.E. Reis, S.O. Kullander and C.J. Ferraris, Jr. (eds.) Checklist of the Freshwater Fishes of South and Central America. Porto Alegre: EDIPUCRS, Brasil.

Ficha por (Entered by): Edson Rechi — Março/2020
Colaboradores (collaboration): —

Sobre Edson Rechi 832 Artigos
Aquarista em duas fases distintas, a primeira quando criança e tentava manter peixes ornamentais sem muito sucesso. Após um longo período sem aquários, voltou no aquarismo em 2004, desde então já manteve diversos tipos de aquários como plantado, peixes jumbo, ciclídeos africanos, água salobra, amazônico comunitário e marinho. Atualmente curte e mantém peixes primitivos e ciclídeos neotropicais, suas grandes paixões.

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*