Novo pacu descrito na Serra do Carajás

O pesquisador doutor Marcelo Andrade, do Grupo de Ecologia Aquática (GEA) da Universidade Federal do Pará (UFPA), acabou de publicar no periódico Plos One, de circulação internacional, a descrição da nova espécie, que é a sétima espécie de Tometes conhecida da comunidade científica, sendo a quarta descrita por ele, que assina a publicação ao lado dos pesquisadores Tommaso Giarrizzo (UFPA), Michel Jégu (Institut de Recherche pour le Dèveloppment – IRD), Izeni Farias e Valéria Machado (Universidade Federal do Amazonas – UFAM).

O Tometes siderocarajensis é um tipo de pacu encontrado na Serra dos Carajás, daí o nome escolhido pelo pesquisador para batizar a nova espécie. Marcelo Andrade revela, também, que esse peixe não é consumido, popularmente é chamado de “Pacu-Borracha” ou “Curupeté”, e a carne dura e borrachuda desse pacu de tamanho médio – alcança até 40 centímetros – explica a inexistência do consumo pela população local.

Confira o artigo original no site da Universidade do Pará

Foto: Marcelo Andrade (divulgação)

Sobre Aquarismo Paulista 152 Artigos
Visamos o fortalecimento dos amantes deste hobby, para que possamos promover a divulgação do aquarismo responsável através de nosso grupo no Facebook e site, além de promover encontros e eventos relacionados. O foco do grupo Aquarismo Paulista é abranger todas as vertentes do aquarismo e aquaristas de todos os níveis.

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*