Parte do crâneo de um surubim pré-histórico foi encontrado na Argentina

O primeiro fóssil de um exemplar de surubim-pintado que habitou a pre-história da Bacia do Rio da Prata foi encontrado na Argentina, no Rio Carcarañá, um afluente do Paranazão, no pequeno distrito de Oliveros.

A parte anterior crâneo com 17 cm de comprimento e 6 cm de largura permitirá um estudo aprofundado das condições climáticas passadas e entender a evolução da espécie ao longo do tempo. As buscas por fósseis na região é liderada por uma equipe da Universidad Nacional de Rosario (UNR) e também do Museu Paleontológico de San Pedro.

“É provável que pertença a alguma das espécies de surubim que ainda vivem no Rio Paraná. Por isso este fóssil permitirá investigar a história biológica por um período considerável”, opina um dos cientistas da UNR, Damián Ibarra.

De acordo com os cientistas, o fóssil seria de um exemplar com peso entre 10 a 15 kg.

Sobre Edson Rechi 693 Artigos
Aquarista em duas fases distintas, a primeira quando criança e tentava manter peixes ornamentais sem muito sucesso. Após um longo período sem aquários, voltou no aquarismo em 2004, desde então já manteve diversos tipos de aquários como plantado, peixes jumbo, ciclídeos africanos, água salobra, amazônico comunitário e marinho. Atualmente curte e mantém peixes primitivos e ciclídeos neotropicais, suas grandes paixões.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*